6 de dez de 2012

Hyvää Itsenäisyyspäivää Suomea!


  Hoje na Finlândia comemora-se o dia da independência. A independência finlandesa foi proclamada em 06 de dezembro de 1917. Antes a Finlândia pertencia ao grão-ducado ligado ao império russo. E por isso, hoje é feriado! :D
  Ontem na escola, tivemos uma programação especial devido ao dia de hoje. Os alunos tinham duas opções: a) assistir a um filme relacionado a história finlandesa b) assistir a um show de talentos dos alunos. Eu escolhi a segunda opção, porque eu nao iria entender nada do filme...
  Várias bandas de alunos da minha escola se apresentaram por mais ou menos 1 hora e meia. Alguns tocavam e cantavam muito bem, bem até demais, mas outros, nem tanto...
 
  Depois tivemos um break pro almoço, e tivemos uma comida especial, suco de laranja e chocolate! :D E depois disso, tivemos que voltar pra esse lugar onde aconteceram os shows para outra apresentações.

  Foram mais algumas pessoas cantando, uma apresentação de dança (muito foda, tenho que dizer) e depois fomos liberados, perto da uma da tarde. 
  De fora estava -16ºC. Delíiiiicia!
  Hoje, como é um dia especial, a programação foi diferente também. Bom, o dia da independência aqui não é muito alegre, porque eles se lembram dos seus combatentes de guerra e por todo o país se tem cerimonias em lembrança deles. Mas, se tem algumas tradições pra esse dia, como: assistir a um filme, que todos os anos passa as 2 da tatde, mas que por alguma razão esse ano começou mais tarde e as 19:00 tem-se um baile no Palácio em Helsinki em que o presidente convida pessoas famosas, pessoas importante para a Finlândia e etc para um baile. A tradição é ver o presidente cumprimentar todos os convidados (que dura cerca de duas horas) e falar bem ou mal dos vestidos das convidadas e algumas roupas de alguns convidados. Não estou brincando! Quando ouvi isso, achei que era exagero, mas não é e muito menos brincadeira, hahaha. 

3 de dez de 2012

Tukholma!

  No final de outubro, no feriado de outono, fui com a minha família hospedeira a Estocolmo.
  Como a Finlândia e a Suécia são bem próximas e só tem água dividindo ambas, é bem comum as pessoas irem e virem de navio e é uma viagem bem barata. É comum pessoas viajarem pela noite, passarem o dia em Estocolmo e depois voltar para a Finlândia. E foi isso que nós fizemos.
  Fomos numa sexta-feira e estávamos pela manhã de domingo. O navio tem um ambiente bem legal, com alguns restaurantes, free shop, alguns bares e váaaaarias casa niques. Meus irmãos hospedeiros mais velhos foram a loucura com as máquininhas, hahaha.
  Pela manhã, quando chegamos a Estocolmo, fomos pro centro e eu fiz alguma compras com a minha irmã hospedeira e depois fui com a minha mãe hospedeira ao velho centro. Não tivemos tanto tempo, mas pelo pouco que vi de Estocolmo, a cidade parece ser linda!


 Quando estávamos no centro de Estocolmo, tinha essa banda tocando e nossa, que energia boa eles passavam. Queria muito me lembrar do nome da banda, mas eu acabei me esquecendo. Você podia sentir o prazer de se tocar música transbordando deles.




 
  Depois voltamos pela noite para a Finlândia. Foi bem legal e fui ao deck do navio e tirei algumas fotos:


Sata päivää Suomessa!



  E aí gente! Eu queria me desculpa por não postar por esse longo tempo, mas é que eu sou bem preguiçosa e as vezes não sei o que postar, hahaha.
  Então, acho que ontem ou antes de ontem eu completei meus 100 dias na Finlândia *-*.
  Tá sendo muito legal aqui, tô aprendendo bastante, principalmente a dar muito valor ao meu país.
  Antes de vir nesse intercâmbio, eu dizia que odiava o Brasil e não entendia porque pessoas que moravam fora queriam tanto retornar ao Brasil. Agora, eu sei perfeitamente.
  Na Finlândia, por exemplo, você tem a melhor educação, tem segurança, saúde de qualidade e assim vai, mas nada que se compare a atmosfera brasileira, ao povo brasileiro. Coisas simples como o sorriso das pessoas nas ruas fazem, acreditem, faz muita falta! Eu sei que parece besteira mas isso são coisas que só pessoas que vivem fora do país entendem...
  Alguns dias atrás eu estive um pouco triste, o tão chamado "home sick". Eu acho que todo o intercambista tem isso depois que as novidades acabam, a língua se torna cada vez mais complicada, o cultura começa a pesar e você não tem tantos amigos como no seu país de origem.
  Mas nem tudo é tristeza! Fiz muitas coisas bacanas aqui e tô curtindo muito meu intercambio. Então como eu não posto a tempos, quase um mês ou mais, vou dividir em algumas postagens, pra não ficar confuso e chato.